Hugo reencontra o Palmeiras após sua estreia no profissional contra o alviverde 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Após 116 dias da sua estreia no profissional, Hugo Souza foi novamente titular na partida contra o Palmeiras, desta vez em Brasília, por conta da disputa da Libertadores no Maracanã. No entanto, neste segundo turno, o atleta não teve seu gol vazado.

O Flamengo de Rogério Ceni entrou em campo tentando se firmar depois de aplicar uma goleada contra o Goiás, por 3×0. E nesta rodada o confronto seria contra o Palmeiras, que também disputa o título Brasileiro, além de estar na final da Copa do Brasil e Libertadores. 

O jovem goleiro do Flamengo foi novamente titular na partida, porque Diego Alves, apesar de ter viajado com a delegação, ainda está machucado. 

Quis o destino que Hugo Souza estivesse novamente diante ao clube paulista, mas junto ao time titular. 

Na ocasião de sua estreia, no dia 27 de setembro de 2020, o goleiro foi acionado quando o Rubro-Negro vivia um surto de Covid-19, após viagem para o Equador, onde disputou jogos da Libertadores. 

Com grandes desfalques, a equipe ainda comandada por Domènec Torrent, que também contraiu o vírus, precisou convocar os garotos do sub-20. Pedro, Arrascaeta, Thiago Maia e Gerson foram os únicos do elenco principal que estiveram em campo naquele dia. 

Aproveitando a chance, Hugo Souza foi o destaque da peleja, conquistando o troféu da Globo como “melhor jogador da partida”. Além disso, também recebeu muitos elogios por suas grandes defesas. Principalmente, por ter parado uma cabeçada de Luiz Adriano, atacante do alviverde. 

Hoje, no Mané Garrincha, o atleta não foi muito acionado na disputa. Mas também fez defesas quando foi exigido. 

Desde sua estreia, Hugo passou por altos e baixos, esperado para um goleiro iniciante no profissional, mas ficou marcado por sua falha na Copa do Brasil, que resultou no segundo gol do São Paulo. Naquele momento, ele foi fortemente criticado pela torcida e imprensa esportiva.  

Mais de 100 dias se passaram desde aquele 1×1 na Arena Palmeiras, que também será lembrado pela quase não realização da partida. O Flamengo havia solicitado o adiamento do jogo por conta do alto número de contaminados no elenco. Diante do impasse no STJD, a equipe carioca entrou em campo com atraso de meia hora. 

Mas as atuações do sub-20 se sobrepuseram ao extra-campo e nomes foram revelados como Natan, Ramon, e o próprio Hugo. Após este jogo no primeiro turno, o jovem atleta subiu de quarto goleiro para reserva imediato de Diego Alves. 

Com a vitória em cima do Palmeiras, neste segundo turno, e na reta final do campeonato, o Rubro-Negro se colocou novamente na disputa pela taça do Brasileiro. 

O goleiro, por coincidência ou não, foi acionado em mais um jogo importante contra o clube paulista. E, mesmo que a defesa Rubro-Negra não tenha sido tão exigida, por mérito do time que encaixou a marcação e anulou o Palmeiras, Hugo segue sendo destaque no Flamengo e está em constante evolução. Nesta quinta-feira, 21, em Brasília, ele deu mais um passo em sua jornada.  

Campeonato Brasileiro

O Flamengo subiu para a terceira colocação e está há quatro pontos do atual líder, o Internacional, com menos um jogo. 

O time venceu a partida no Mané Garrincha, contra o Palmeiras, por 2×0, com um gol contra de Luan, atleta do alviverde, e outro do Pepê, cria da base Rubro-Negra.

O próximo confronto será contra o Athletico-PR, em Curitiba, no domingo, 24, às 16h. 

Leia também: http://historia.rrn.net.br/flamengo-supera-o-palmeiras-em-confronto-direto-no-mane-garrincha-e-segue-vivo-na-disputa-do-titulo/

Leia também: http://historia.rrn.net.br/tao-deixando-a-gente-sonhar/

Está Gostando do Conteúdo ? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leitura Recomendada

Bem vindo a História do Redação