Flamengo empata no maracanã contra Atlético-GO

Gabigol sente dores na coxa e é substituído no segundo tempo
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

A bruxa está solta na Gávea. Em noite de pouca inspiração, o Flamengo apenas consegue sair no empate de 1 à 1 no maracanã contra o Atlético-GO. A equipe mais uma vez toma as rédeas da partida, mas peca na criação e nas finalizações. Além do péssimo resultado, a partida também foi marcada por possíveis contusões de Gabigol e Thiago Maia. Ambos os jogadores foram substituídos durante a partida por questões físicas.

O Flamengo dominou a posse de bola durante todo o primeiro tempo. Decerto, a grande marcação estabelecida no meio de campo, ocasionou vários erros do adversário, que não conseguia se impor na partida. O meia Thiago Maia foi o grande destaque da primeira etapa, o jogador do time carioca, foi bastante participativo nas ações em campo. Logo, o meia conseguiu acertar um belo chute no travessão, e ainda serviu Bruno Henrique. O atacante voltou a marcar depois de 4 partidas, aos 44 minutos.

O Mais Querido, voltou a campo para a segunda etapa na mesma intensidade do primeiro tempo. Entretanto, a equipe conseguia criar mais chances claras de gol. Porém, o domínio carioca entrou em colapso, quando o atacante adversário, Chico, em uma jogada individual, conseguiu passar por Léo Pereira e tocar para Zé Roberto marcar, aos 13 minutos. Posteriormente, o grande destaque da partida do Flamengo, Thiago Maia, foi substituído devido à fortes dores no tornozelo.

A partida continuou sem grandes emoções, conforme o tempo no cronometro ia passando, mais o time goiano ia recuando a marcação. Contudo, a substituição de Thiago Maia afetou diretamente na criação da equipe, e O Mais Querido só voltou a criar chances claras de gol com a entrada de Arrascaeta, aos 29 minutos. Apesar da superioridade ofensiva, observamos um Flamengo desesperado pelo gol, ocasionando um ataque desordenado, que penava para quebrar a barreira defensiva do Atlético-GO. Em contrapartida, Lincoln teve a chance de gravar a vitória nos acréscimos após raro momento de soberania ofensiva. O meia Arrascaeta, acertou um lindo passe para o jovem atacante, que sem goleiro, não conseguiu empurra a bola para as redes.

O Flamengo perdeu a chance de encostar no líder Atlético-MG com o resultado desfavorável dessa noite de sábado. A próxima partida do Mengão é contra o São Paulo, no jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. O confronto será realizado no Estádio do Morumbi, às 21:30, desta quarta feira (18/11). Lembramos que O Mais Querido, precisa ganhar por mais de um gol o confronto para passar direto na competição.

FICHA TÉCNICA:
FLAMENGO 1 x 1 ATLÉTICO-GO

Competição: Campeonato Brasileiro, 21ª rodada

Data e hora: 14/11/2020 (sábado), às 21h30

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Rafael Traci (Fifa/SC)

Assistentes: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (Fifa/BA) e Cleriston Clay Barreto Rios (SE)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Cartões amarelo: Gustavo Henrique e Natan (FLA) Gilvan (AGO)

Cartões vermelhos: Nenhum

Gols: Bruno Henrique, aos 44min do primeiro tempo; Zé Roberto, aos 13min do segundo tempo

FLAMENGO: Hugo Souza; Matheuzinho, Gustavo Henrique (Natan), Leo Pereira (Arrascaeta) e Renê; Arão, Thiago Maia (Michael), Gerson e Vitinho; Bruno Henrique e Gabigol (Lincoln). Técnico: Rogério Ceni

ATLÉTICO-GO: Jean; Dudu, Gilvan, João Victor e Nicolas; Marlon Freitas (Oliveira), Willian Maranhão e Gustavo Ferrareis (Natanael); Janderson (Arnaldo), Chico (Matheus Vargas) e Zé Roberto (Junior Brandão). Técnico: Marcelo Cabo

Está Gostando do Conteúdo ? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leitura Recomendada

Bem vindo a História do Redação