Fácil, moderado ou difícil? O Raio-X dos adversários na fase de grupos da Libertadores

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Após grande expectativa, finalmente conheceu-se os 3 adversários da fase de grupos do Flamengo para a sua 17ª participação da Taça Libertadores. Considerado o “grupo da morte” por determinada parte da imprensa, moderado para uns e fácil para os otimistas, vamos apresentar resumidamente a situação atual das equipes que o time precisará superar neste início para a busca do tri Campeonato das Américas.

Chave G, grupo do Flamengo da Libertadores 2021 – Fonte: gazetaesportiva.com
  • VÉLEZ SARSFIELD

Com 16 participações na competição continental, campeão em 1994 e retornando a competição após 7 anos fora, se classificando para o torneio depois de ter terminado o campeonato argentino de 2020 em 5º lugar, o clube argentino de Buenos Aires é praticamente uma unanimidade em ser o adversário mais perigoso da chave. Líder do campeonato argentino com 6 pontos na frente do vice-líder Boca Juniors e vencendo 7 dos 10 jogos disputados na competição. Em compensação, o clube perdeu para o Banfield na final da Superliga Argentina e foi eliminado da Copa Argentina pelo Talleres. O time apresenta o mesmo estilo de jogo do time rubro-negro, pressionando a saída de bola adversária e atacando de forma intensa. Um dos destaques é o jovem meia Thiago Almada de 19 anos. O técnico Maurício Pellegrino ainda conta na equipe com o ex rubro-negro Federico Mancuello.

Mancuello em ação pelo Vélez Sarsfield. Fonte: velez.com.ar
  • LDU

Adversário do Flamengo na fase de grupos da edição de 2019, a clube equatoriano da Liga Desportiva Universitária está em 5º lugar no campeonato equatoriano, há 5 pontos do líder Emelec e apesar de ser a única invicta na competição, tem 5 vitórias em 9 jogos. Seu grande trunfo a favor é velha conhecida e temida altitude de 2.500 metros e seu maior destaque em campo é atacante Cristian Borja que atuou no Fla em 2010.

Borja, atacante da LDU. Fonte: primicias.ec
  • UNIÓN LA CALERA

Com campanhas nacionais nos últimos 4 anos e de trajetória em campo no cenário nacional semelhante a Chapecoense, a modesta equipe chilena da região de Valparaíso fundada no Século XX, participou de todas as divisões nacionais do seu pais. Na primeira divisão seguidamente desde 2017, obteve destacadas colocações no campeonato chileno até ser vice-campeã em 2020. Na edição de 2019 da Sul-americana, a equipe eliminou a Chapecoense e em 2020, o Fluminense. Um dos seus maiores orgulhos foi de ter revelado o lendário zagueiro Figueroa. O maior destaque da equipe atualmente é o “El Mago” Valdivia, ídolo do Palmeiras. Na recém iniciada edição atual do campeonato chileno, o time ocupa a 2ª colocação na tabela com 2 vitórias e 2 empates.

Valdivia, o grande destaque do Unión La Calera. Fonte: t13.cl

O Flamengo faz sua estreia na terça às 21:30h contra o Vélez Sarsfield em Buenos Aires.

E aí torcedor, quem é o favorito deste grupo? Flamengo classifica em primeiro lugar?

Veja também:

Pedro salva Flamengo no empate pelo campeonato carioca

Flamengo não pretende ceder em queda de braço por Arrascaeta

Mauro César Ferreira acerta com SBT e irá comentar Vélez x Flamengo

Está Gostando do Conteúdo ? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leitura Recomendada

Bem vindo a História do Redação