Defende, defesa.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Começa o segundo turno do Brasileirão do Apocalipse pra quase todo mundo. O São Paulo, por exemplo, tá devendo tanto jogo que se a gente for conferir arrisca ainda estar disputando o Paulistão. Como a Lei é igual para todos, mas uns são mais iguais que os outros, segue Nosso Flamengo, sem asteriscos na tabela e tentando acertar a defesa.

Com Rodrigo Caio ainda em seus estudos da Faculdade de Medicina, restam-nos as opções que a gente já conhece. Quem o Domènec vai escolher a gente nunca sabe. Pelo critério “Quem Errou Menos” a opção deveria ser Natan-Thuler. Um porque realmente só foi mal contra o São Paulo, quando todo mundo também foi, o outro porque jogou menos… Errou menos.

Claro, óbvio e ululante (perdão aê, Tio Nelson Rodrigues) que TODO o problema da nossa defesa não vem do Natan, do Léo Pereira, do Gustavo Henrique, do Thuler, ou de qualquer combinação possível dentre esses nomes. A grande questão está no Sistema Defensivo, e o Dome há de acabar acertando essa bagaça.

Contudo, vale observar nesse momento pré-acerto, que está sim demorando um pouco mais que o esperado pra dar sinais de vida: estamos muito bem, obrigado, em todas as competições que estamos disputando. Imagina se já estivesse tudo 115% certo como parecem clamar as redes sociais…

Ainda sobre a defesa, Hugo Souza, que disse não querer ser mais Neneca, deve continuar de titular. Pelo que entendi, em algum lugar entre duas instâncias do Nosso Flamengo o povo não conhece e-mail, whatsapp, correio, telefone ou qualquer outra forma de comunicação ainda que rudimentar, tal qual sinais de fumaça. Alguém disse ok pro Diego Alves e pros empresários e não conseguiu avisar algum outro alguém por lá. Apesar de relacionado, dado esse não-acerto, Diego Alves não parece incomodado em literalmente esperar sentado no banco. 📬📬📬

Pulando da defesa, passando direto pela meiúca, e focando no ataque, a questão é uma só: PODE LEVANTAR A PLAQUINHA? Gabigol relacionado e há a expectativa pela participação dele. Se… Se… for de início, deveria entrar na vaga do Bruno Henrique, que anda em muitos momentos com uma sonolência nível Vitinho em atuações recentes. O Pedro tá voando e Gabriel Barbosa é bom se movimentando também fora da área. Eles que lutem na defesa do Atlético.

E por falar neles.

Do lado de lá… Do lado de lá… O alvinegro de Minas, que já foi apontado pelos ispessializtas imediatistas como o virtual Campeão da temporada 20/21 (me sinto mó Primeiro Mundo quando escrevo isso), vem provando mais ou menos que o início arrasador era um vôo de Galo mesmo. O time nem é ruim, o ímpeto de ataque que o Sampaoli tenta fazer vingar é bem interessante, mas o fato é que já não ganha de ninguém há quatro jogos no Brasileirão, e já apresentou instabilidade em alguns outros momentos.

Sampaoli, que está suspenso por causa dos costumazes cartões amarelos, não tem desfalques para armar a equipe. Tem um reforço que acabou de chegar e ainda não pode jogar (o atacante chileno Vargas) e tem também o Tardelli, que também não conta como ausência porque está fora desde julho.

Sampaoli tem o retorno importante do Keno. Pelo que se sabe… Não se sabe nada. O gringo lá também é na vibe de trocar os nomes de um jogo para o outro. Dia desses ouvi um setorista de Minas dizendo que a principal função dos jornalistas que cobrem o Atlético Mineiro é tentar adivinhar quais serão os 11 iniciais, e muitas vezes até a formação tática. Mas fiquem tranquilos com uma coisa: Réver deve jogar. Flamém.

A tabela não anima muito no quesito “queremos gritar você-sabe-o-que”, já que o Internacional recebe o Coxa em Porto Alegre e em teoria não deve dar esse mole. Até mesmo porque, segundo parte da Nação, só o Flamengo mesmo que tropeça.

Tá de boas. Não há pressa com isso. Lideraremos em algum momento, e acredito até que com certa folga quando fevereiro chegar. E daí, por conta da pandemia, só vai ter Carnaval pra nós.

Defende, defesa.

Bora Vencer, Vencer, Vencer.

Isso aqui é Muito Flamengo.

 

PETISCOS

. AO ATAQUE. Se temos nossos problemas na defesa e eles têm o Réver, por outro lado nosso ataque é o melhor da competição com 33 gols, e o segundo é justamente o do Atlético, com 31. ⚽⚽⚽

. SENSATEZ. É bom ter dois ótimos goleiros. Apesar da tendência do mundo da Era da Informação de polarizar e radicalizar a cada divergência de pensamento, nesse quesito, felizmente, parece que não tá rolando uma guerra de #TeamDiego x #TeamHugo. A hashtag #RenovaDiegoAlves vem aparecendo com constância na web. 💻💻💻

. OU NA IDA OU NA VOLTA. O Flamengo não deve conseguir a liberação do Pedro e do Everton Ribeiro para o primeiro jogo da CB contra o São Paulo. Pela logística, SE eles não apresentarem, como diria o Tite, muita minutagem no segundo compromisso da Seleção, rola de entrarem no jogo da volta. ✈✈✈

. NÃO VAI SER FRIO. Reza a sabedoria popular que a vingança é um prato que se come frio. Após a goleada que levamos do São Paulo, calhou do sorteio da Copa do Brasil nos proporcionar a chance de eliminar os caras. Mesmo com duas vitórias por meio a zero, eles que emoldurem o quatro a um e façam bom proveito. 🍝🍝🍝

 

MESA DA ARCOIRIZADA

. UNIMED FEELINGS. O Atlético contrata dia sim e o outro também por pedidos do Sampaoli, tá viabilizando estádio, mas o que se fala é que as finanças não são lá essas coisas. Empresários atleticanos andam bancando a farra a juros bem baixos. Já vimos esse filme. 📉📉📉

. VÁRZEA ELEITORAL. Dessa vez o Vasco não quis ficar em segundo e perder para os Estados Unidos no quesito maior bagunça nas eleições. Ia ter, de repente não ia mais ter, e de última hora teve. Com direito a grandes filas e pancadaria durante o pleito. 🗑🗑🗑

. ELE AINDA NÃO PERCEBEU. O Honda é um sujeito legal. Escreveu uma carta bem bacana declarando como acha que o Botafogo pode sair desse caos financeiro-administrativo-desportivo. Até que a carta vinha bacana e lúcida. Daí esbarrou na realidade. Confere aí: “É um clube onde todos vão caminhar na mesma direção e OS TORCEDORES VÃO SER A FORÇA PRINCIPAL”. 😂😂😂

. ENTÃO TÁ COMBINADO. Igor Julião, com uma certa ponta de mágoa ao comentar que o fluminenCe nunca foi/é visto como um dos times favoritos ao título, disse que até prefere que a Nobreza do Laranjal seja vista como “o patinho feio”. Ok. Fica assim então. 👹👹👹

mercioquerido@gmail.com
Facebook e Instagram: Mercio Querido
Twitter: @sorinmercio

 

 

Está Gostando do Conteúdo ? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leitura Recomendada

Bem vindo a História do Redação