Bruno Henrique: o melhor jogador em atividade no Brasil no início de 2019

Bruno Henrique
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Bruno Henrique é o principal jogador do futebol brasileiro nesses quatros primeiros meses. Em grande fase, o atacante que chegou com pouca badalação ao Flamengo por conta das milionárias contratações de Gabigol e Arrascaeta, se tornou o principal jogador da equipe e hoje é o maior xodó da torcida Rubro-Negra.

Recentemente, Bruno foi pivô de uma das polêmicas de Abel Braga como técnico do Fla. O atacante, que vivia grande fase na ponta-esquerda, onde jogou maior parte da carreira, foi transferido pelo comandante para fazer a função de “camisa 9”. Com isso, Gabigol foi puxado para ponta-direita e caiu de rendimento. Bruno Henrique diz não se incomodar e se sentir a vontade na função. 

Apesar das críticas, o camisa 27, que já fazia grande temporada, deslanchou após a mudança. O atacante é quem domina todas as estatísticas do Rubro-Negro na temporada. Artilheiro da equipe ao lado de Gabriel com 10 gols, líder de assistências com 8, artilheiro do Carioca (onde esteve na seleção do campeonato) e responsável por 40% dos gols da equipe na temporada.

A última marca, inclusive, só é superada por Fred, do Cruzeiro, e Patrick Fabiano, do CSA, ambos com 45% de participação nos gols de suas respectivas equipes. Se não é o artilheiro do Brasil no ano, Bruno é o líder de assistências nacional no ano: oito. Com apenas 17  jogos no ano, o jogador tem média de 0.58 gols por partida, que é disparada a melhor de sua carreira.

Além disso, é o primeiro jogador da história do Flamengo a marcar dois gols em todos os clássicos regionais no mesmo ano. Foram dois contra o Botafogo em sua estreia, dois contra o Fluminense e dois contra o Vasco no jogo de ida da decisão do campeonato carioca. Aliás, o atacante também marcou dois contra o Cruzeiro e derrubou o último invicto da temporada.

Bruno Henrique
Bruno Henrique comemora um de seus dois gols contra o Cruzeiro (Foto: Alexandre Vidal)

A carreira

Bruno Henrique começou sua carreira no Urbelândia-MG, em seguida foi para o Itumbiara até chegar o Goiás. Foi no clube goiano que o jogador apareceu no futebol brasileiro. Depois do sucesso na temporada de 2015, o atacante foi comprado pelo Wolfsburg, da Alemanha, por 4,5 milhões de euros. No clube, Bruno chamou a atenção por sua grande atuação na Champions League, contra o Real Madrid, onde deu uma assistência e equipe alemã venceu por 2×0.

A volta ao Brasil

Porém, Bruno Henrique teve curta passagem na Europa. Em 2017 o atacante retornou ao Brasil, mas dessa vez para o Santos. Com a experiência europeia na bagagem, Bruno fez uma temporada espetacular e foi um dos grandes jogadores do país, onde chegou a ser cotado para seleção. Inclusive, esteve na seleção do campeonato no Troféu Mesa Redonda, do Canal ESPN.

Porém, após a grande exibição na temporada 2017, o ano seguinte foi o pior da carreira do jogador. No dia 17 de janeiro de 2018, ele levou uma bolada no rosto e sofreu cinco tipos de lesões diferentes no olho. O atacante quase perdeu a visão. Em sua volta, um mês depois, Bruno treinava com óculos especiais de proteção ao olho. Em 34 jogos na temporada, fez apenas dois gols e deu três assistências.

Bruno Henrique
Bruno Henrique usava óculos de proteção especial; o atacante quase perdeu a visão (Foto: Divulgação/ Santos FC)

Em baixa no time Paulista, Bruno Henrique chegou ao Flamengo no início do ano. O Fla desembolsou mais de 23 milhões de reais pela sua contratação e emprestou o volante Jean Lucas ao Santos. Bruno chegou à Gávea sem muita badalação. Após fechar com o sonho de consumo da torcida, Gabigol, e pagar mais de 60 milhões pelo meia Arrascaeta, o atacante parecia chegar para ser coadjuvante.

Porém, ele tomou o lugar das contratações milionárias e hoje é a principal peça da equipe. Com Bruno no comando de ataque e em grande fase, o Flamengo se prepara para enfrentar o Internacional, no Beira-Rio, nesta quarta-feira (1), às 16h. A torcida espera que seu camisa 27 faça gols, mantenha a boa fase e continue dominando as estatísticas para vencer o colorado no Sul.

 

Está Gostando do Conteúdo ? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leitura Recomendada

Bem vindo a História do Redação