Bruno Henrique denunciará Ramirez por ofensa racista

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

O Flamengo encomendou a especialistas do Instituto de Educação de Surdos (INES) análise de leitura labial de uma discussão entre Bruno Henrique e Ramirez no jogo contra o Bahia, no Maracanã. No vídeo, o atleta da equipe nordestina fala algo que, aparentemente, também seria de cunho racista.

Os especialistas do INES atestaram a prova enviada e o atacante rubro-negro fará denúncia ao STJD. De acordo com eles, Ramirez falou a Bruno Henrique: “Está falando muito, seu negro!”.

Informações dos setoristas do Flamengo para o GE, indicam que o especialista do INES, Mikel Vidal, é filho de colombianos e tem experiência em perícia na língua espanhola com formação avançada no idioma.

Segundo o o vice-presidente jurídico do Flamengo, Rodrigo Dunshee de Abranches, a prova também será entregue à polícia.

(1) Rodrigo Dunshee de Abranches no Twitter: “O Flamengo encomendou a especialistas do INES – INSTITUTO DE EDUCACAO DE SURDOS, uma leitura labial da situação do Ramirez com o Bruno Henrique momentos antes do que se passou com o Gerson. A prova revelou que teria havido a ofensa, vamos apresentar ao STJD e entregar a polícia.” / Twitter

– O Flamengo encomendou a especialistas do INES – INSTITUTO DE EDUCACAO DE SURDOS, uma leitura labial da situação do Ramirez com o Bruno Henrique momentos antes do que se passou com o Gerson. A prova revelou que teria havido a ofensa, vamos apresentar ao STJD e entregar a polícia – afirmou o vice-presidente nas redes sociais.

Leia mais: Caso Gerson: polícia abre inquérito para investigar ato de injúria racial 

Está Gostando do Conteúdo ? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Leitura Recomendada

Bem vindo a História do Redação